Driver Licenses de 9 estados não serão aceitas como ID para voos domésticos


A partir do dia 22 de janeiro de 2018, as driver licenses (permissão para dirigir) dos residentes de 9 estados americanos não serão mais aceitas como ID para viajar. Os estados são Kentucky, Maine, Minnesota, Missouri, Montana, Oklahoma, Pennsylvania, South Carolina e Washington.

Será necessário usar documentos de identificação alternativos como passaporte, militar ID ou permanent resident card, até mesmo para voos domésticos. Isso acontece pois as IDs desses 9 estados não cumprem com os padrões mínimos de segurança do governo federal.

De acordo com o REAL ID Act de 2005, as agências federais, como o TSA, estão proibidos de aceitar para determinados propósitos driver licenses e identificações de estados que não cumprem com os padrões mínimos do Ato”. Para que isso aconteça, será necessário verificar cada identidade dos requerentes, colocar tecnologia anti-falsificação na produção do cartão e realizar uma verificação de antecedentes.

Se os 9 estados mudarem a produção das driver licenses, o governo pode conceder extensões ou determinar a conformidade para estados adicionais conforme garantido. O TSA atualizará a sinalização se e quando os estados atualmente listados receberem extensões.

Viajantes que não são residentes dos 9 estados não serão afetados, mas até 2020, todos os viajantes devem ter suas identidades de acordo com o REAL ID ou não serão autorizados nos pontos de verificação de segurança do TSA. Apenas 24 estados e Washington, D.C. atualmente cumprem com as regras estabelecidas no ato. Os demais estados receberam extensões até 2017 para cumpri-las.

 

Fonte: https://www.dhs.gov/news/2016/12/12/tsa-notify-travelers-upcoming-2018-real-id-airport-enforcement

Mantenha-se informado:

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *